De Olho

O Astrólogo NO MUNDO.

Free counters!

quarta-feira, 3 de julho de 2013

O Poder e o Tempo.



Neste espaço virtual, nesse tempo assíncrono, didaticamente fiz um caminho que induzisse ao leitor ascender sua reflexão em relação a si mesmo, quando busca tentar "pré-ver" o seu futuro. Assim desenvolvi as gotículas, na estratégia de eliminar a previsão isolada, sem sentido dos horóscopos diários, não adianta lê-los, são demasiados genéricos, foi o que quis dizer com as gotículas, onde o conceito é que as previsões aqui realizadas eram apenas uma pequeníssima gota que mal dá para matar a sede, seja de curiosidade, seja de busca do saber astrológico. Era apenas uma indicação que existia a água da sabedoria que mata a sede dessa busca.



Depois das gotículas apresentei as ondículas, numa evolução do conceito, onde retirei a ligação direta de interpretação do signo em si, que diz muito pouco e indiquei datas, que na verdade são graus dos signos mais influenciados naquele dia, dependendo da formação das ondículas de energia, mas tudo isso ainda faz com que o leitor fique preocupado apenas com o seu dia-a-dia, enxergando um pouco da árvore e perdendo toda a visão da floresta.

Nessa busca de fornecer um olhar cada vez mais acurado, induzindo uma leitura mais reflexiva do seu destino pessoal a partir das influências astrológicas de médio e longo prazo e o que você pode fazer com elas, apresento agora a nova metodologia de previsões de OastrólogO.

Existe, num nível básico, 8 momentos fixos de poder astrológico no tempo e 26 móveis. Lembrando que 26 (2+6=8) é o número do nome de Deus, e 28 = 8 = 32, remete às 32 sendas da kabbalah, fica aí uma pista de meditação para quem conhece do assunto.

Os 8 momentos fixos, são as 4 estações: os 2 solstícios, o de inverno e o de verão, e os 2 equinócios, o da primavera e o de outono. Na verdade representam a entrada do Sol, anualmente no grau zero dos 4 signos cardinais: Áries (Primavera), Câncer (Verão), Libra (Outono) e Capricórnio (Inverno), no Hemisfério Norte, no Sul inverte-se Libra (Primavera), Capricórnio (Verão), Áries (Outono) e Câncer (Inverno). Os outros 4 são os quartos cruzados ou Festivais do Fogo (Luz) ou ainda Festivais da Sabedoria, representam o segredo da Esfinge, pois são os pontos médios dos quatros signos fixos: Touro, Leão, Escorpião e Aquário.

Os Festivais da Luz são: Beltane ou fogueira (de 5 a 8 de maio) representa o ápice da força primavera/outono; Lammas (de 5 a 8 de agosto) representa o ápice da força do verão/inverno; Samhain ou Halloween ( de 5 a 7 de novembro) representa o ápice da força do outono/primavera e a Candelária ( de 5 a 8 de fevereiro) representa o ápice da força do inverno/verão.

Os 26 momentos móveis são as Lunações, 13 Luas novas e 13 Luas cheias, uma para cada um dos 12 signos, sendo que um signo diferente recebe duas luas novas e duas cheias a cada ano.

Assim a partir de hoje não teremos mais ondículas e interpretações diárias, mas interpretações desses momentos de poder no tempo, para que cada um possa fazer uma reflexão mais profunda da sua vida e tirar maior proveito do conhecimento astrológico.


OastrólogO

Um comentário:

  1. wonderful post, very informative. I wonder why the opposite specialists of this sector do not understand this.
    You must continue your writing. I am sure, you've a huge readers' base already!


    My webpage - igf-1 plus deer velvet antler spray 10 000 nanograms

    ResponderExcluir